segunda-feira, 11 de maio de 2009

Atuação hormonal na obesidade


Hoje usarei um exemplo de uma doença chamada insulinoma para destacar o papel fundamental dos hormonios na regulação do nosso metabolismo e relacionar o tema à obesidade.
A insulinoma causa um aumento na produção de insulina. O paciente começa a ganhar peso por causa de uma reação em cadeia: a insulina é produzida em excesso, (a insulina tem, entre outras, a função de captar a glicose) a glicose é por tanto captada em excesso para dentro da célula. O paciente fica com um quadro de hipoglicemia no sangue. A quantidade extra de glicose é metabolisada e se transforma em tecido adiposo. Além do paciente engordar, ele terá os sintomas de um individuo hipoglucémico explicado pela falta de glicose circulando no sangue.
A chave para entender essa enfermidade é saber a função da insulina. A insulina é um hormônio produzido no pâncreas e liberado na corrente sanguínea quando nos alimentamos. Esse hormônio tem a função principal de avisar à celula da presença de glicose no sangue e no transporte da glicose para dentro da celula, permitindo assim que a celula possa se alimentar, neste caso a insulina também induz a transcrição de genes de enzimas que sintetizam lipídios.
No indivíduo com insulinoma, haverá grande concentração de insulina no organismo. A insulina vai “enviar” toda a glicose do sangue para o interior da célula e vai induzir a transcrição de genes para a produção de lipídios. A glicose entrará na via glicolítica para a produção de energia para o corpo. Vai haver excesso de ATP (energia) e excesso de glicose no citossol. Isso levará o organismo a ativação de outras vias metabólicas. A via de produção de ácidos graxos e triacilgliceróis será ativada.
Concluíndo, muitos casos de obesidade se dá por problemas hormonais que afetam o metabolismo. A insulina foi apenas um exemplo que eu passei para vocês. Caso queiram saber mais o livros abaixo serviram de fonte de estudos para esse texto:






bibliografia:
Anita Marzzoco, Bayardo B. Torres; Bioquimica básica 3ª edição
Harrison´s principles of internal medicine 16ª edição

Um comentário:

  1. Parabéns,ótimo texto,me ajudou com meu trabalho!

    ResponderExcluir